quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

De onde vem a inspiração?


Me uso do personagem "Dona Geo" para escrever,
se pensam que escrevo meus segredos ou que
fique falando sobre mim, não se enganem.

As "Crônicas" são "passagens" que a Geovana
observa, percebe, analisa e se usa da "Dona Geo"
para descreve-los transformando o observado
em observador.

É como se colocar no lugar de outra pessoa,
com uma sensibilidade a mais e instinto para
tentar transformar em palavras muitas
das coisas que não são tão fáceis de se descrever.

Gosto de incentivar as pessoas a pensarem,
a refletirem e a identificarem-se,
o que não deixa de ser um desabafo,
uma crítica ou uma idéia também minha.

Às vezes brinco e falo:

Não é preciso ser um assassino para entende-lo
e descreve-lo,
imagine quantos escritores
psicopata existiriam por ai?


Quando a inspiração vem eu apenas escrevo,
gosto desse amadorismo, sem parar para entender
de onde vem, porque e para quem.

Me impressiona ver que tenha
agradado tanta gente.

'Escrever é procurar entender,
é procurar reproduzir o irreproduzível,
é sentir até o último fim o sentimento

que permaneceria apenas vago e sufocador.

Escrever é também abençoar uma
vida
que não foi abençoada.'


[Clarice Lispector]

É um prazer...

Eu me empolgo escrevendo
http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=57136933

1 Comentário:

Tiff disse...

teu blog eh muito bommMM...exclui ele nunca,jamais...e continua atualizandoOooO..."certas coisas não podem ser vistas por olhos que nunca choraram"...não sei quem citou essas palavras que li faz um bom tempoOOOo...mas pra mim faz mt sentidoOOo...beijãoOo...thybonequinhah.zip.net

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO  

BlogBlogs.Com.Br